sábado, 30 de maio de 2015

SOBRE A 'BRINCADEIRA' DO TAL 'CHARLIE' E O PERIGO DOS MODISMOS NA INTERNET



CATEQUESE

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

Caríssimos, tem surgido e se sustentado na internet, uma brincadeira de evocação de espírito ou demônio, como queira chamar. Gostaria de orientá-los, sobretudo os católicos de minha página e também os cristãos, para o risco desta brincadeira. “Não se ache no meio de ti quem faça passar pelo fogo seu filho ou sua filha, nem quem se dê à adivinhação, à astrologia, aos agouros, ao feiticismo, à magia, ao espiritismo, à adivinhação ou a invocação dos mortos, porque o Senhor, teu Deus, abomina aqueles que se dão a essas práticas, e é por causa dessas abominações que o Senhor, teu Deus, expulsa diante de ti essas nações.” (Dt. 18,10-12).
Meus filhos, a Palavra de Deus nos diz que vivemos em um combate espiritual diário:

“finalmente, fortaleçam-se no Senhor no seu forte poder. Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo, pois a nossa luta não é contra seres humanos, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal” (Ef. 6,10-17).
Como cristão você não pode viver de modas, por que modas não te conduzirão a glória de Deus. “Virão umas modas que desagradarão muito a nosso Senhor. As pessoas que servem a Deus não devem andar com a moda!" (Nossa Senhora de Fátima, 1917). Satanás é astuto e utilizará de todos os meios para te afastar de Deus. Seja fiel ao Senhor, ao invés de evocar espíritos ou demônios, invoque o nome do Senhor teu Deus. Ame a Deus sobre todas as coisas, aquele que ama a Deus não se deixa levar pelas loucuras desse mundo. Não brinque com aquilo que é oculto e sobrenatural, pois o mal que você alcançará poderá ser sem precedentes.

"Todas as formas de adivinhação devem ser rejeitadas: recurso a Satanás ou aos demônios, evocação dos mortos ou outras práticas supostamente «reveladoras» do futuro. A consulta dos horóscopos, a astrologia, a quiromancia, a interpretação de presságios e de sortes, os fenômenos de vidência, o recurso aos "médiuns", tudo isso encerra uma vontade de dominar o tempo, a história e, finalmente, os homens, ao mesmo tempo que é um desejo de conluio com os poderes ocultos. Todas essas práticas estão em contradição com a honra e o respeito, penetrados de temor amoroso, que devemos a Deus e só a Ele." (CIC 2116).

Se você, seguindo essa “moda”, dos últimos dias na internet, praticou essa brincadeira, intitulada “Charlie Charlie Challenge” ou como é traduzido nas mídias brasileiras “Charlie Charlie, você está aí?”, arrependa-se dessa prática e procure o sacramento da confissão, pois você está em pecado contra a Sagrada Escritura, os Mandamentos e o Magistério da Igreja. Deus te ama com amor incondicional, mas “não ponha à prova o Senhor teu Deus.” (Lc 4,12). Os grandes santos da Igreja foram tentados pelo demônio à citar, Santo Antão ‘o Grande’, “O leão rugia, desejando atacar”, afirmava Santo Atanásio “Quando visitávamos Santo Antão nas ruínas onde vivia escutava tumulto, muitas vozes e o choque de armas. Também viam que durante a noite apareciam bestas selvagens e o santo combatia contra elas através da oração”.

São Padre Pio  também relatava diversos relatos de enfrentamento com o “dito cujo” dentre outras coisas dizia: “Estes demônios nunca deixam de golpear-me”, Segundo o Pe Gabriele Amorth, famoso exorcista da diocese de Roma, “a grande e constante luta na vida dos santos foram contra os inimigos de Deus e as almas, pois tratou de capturar sua alma”. Desde sua juventude o Padre Pio teve visões celestes, mas também sofreu ataques infernais.

Santa Gema Galgani, que chamava o demônio de “Garras brutais” dizia respeito dos seus intensos combates espirituais: “Quantos esforços este miserável faz para que eu não reze. Ontem tentou me matar, e quase conseguiu, mas Jesus veio e me salvou. Estava assustada e mantive a imagem de Cristo na minha mente”. São João Maria Batista Vianney, também a respeito de seus combates, relatava: “Faz porque eu converto muitas almas para o bom Deus”, continuava o Santo Cura d’Ars, “Minha filha, não temas: é o resmungão. Ele não pode machucar-te. Ele me procura da maneira mais atormentadora possível. As vezes agarra os meus pés e me arrasta pelo quarto. Ele faz isto, porque eu converto muitas almas para o bom Deus”.

Santa Teresa de Jesus chegou a dizer que os “Seus chifres estavam ao redor do pescoço do sacerdote enquanto celebrava missa”. A oração, a humildade e a água bendita. A Santa dizia que “a oração, a humildade e a agua bendita” são armas eficazes contra o inimigo, sobretudo a agua bendita. Também nosso Senhor foi tentado, como se afirma no Evangelho de São Mateus: “então Jesus foi levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.” (Mt. 4,1). O demônio tenta e tentará também a você. Mantenha-se fiel, busque a cada dia aquilo que vem de Deus. Ore incansavelmente, esteja em dia com os sacramentos, reze o Santo Rosário, reze e medite a Palavra de Deus, essas são as armas poderosas na luta contra o inimigo de Deus e também uma forma de você não se deixar levar pelos modismos e pelas tentações deste mundo.

"A Cruz Sagrada seja a minha Luz. Não seja o dragão o meu guia. Retira-te satanás. Nunca me aconselhes coisas vãs. É mau o que tu me ofereces. Bebe tu mesmo o teu veneno." (Oração de São Bento). 

Que o bom Deus te abençoe ilumine e proteja.
Fraternalmente,
Pe. Jefferson C. Veronês
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...