segunda-feira, 25 de maio de 2015

DOM OSCAR ROMERO - BEATO - E SÃO JOSÉ MARIA ESCRIVÁ: UM INTERESSANTE DIÁLOGO!




Foi beatificado no ultimo Sábado (23), em sua cidade natal e onde fora assassinado, o antigo arcebispo de El Salvador, Dom Oscar Romero. O agora Beato fora assassinado a tiros por causa do ódio à fé cristã, o que lhe outorgou a palma do martírio, em 1980 pelas mãos da Junta Militar que dominava o país.
Muito se fala do atual beato e sua luta pela defesa dos mais necessitados e vítimas dos conflitos de guerras em seu país. Há quem diga até mesmo que seria uma espécie de “santo da Teologia da libertação” o que jamais se configura em realidade, a começar pelo fato de que um santo não é santo para um grupo ou movimento, um santo é santo para toda a Igreja.

Esse artigo trás o Beato visto por um viés que talvez seja novidade para muitos, há diversos testemunhos de que Dom Oscar Romero vivera uma vida muito devota e de fidelidade à Santa Igreja. Não são poucos o numero de autores que garantem que o arcebispo de El Salvador era conservador e inclusive nutria uma afetuosa amizade com São José Maria Escrivá, que era em sua época um sacerdote fortemente marcado pelo seu posicionamento conservador e militante contra o marxismo e o comunismo. Romero inclusive fora um dos primeiros bispo à corresponder com o Papa pedindo a abertura do processo de sua canonização. Veja a seguir a carta enviada ao Papa:

"Beatíssimo Padre,

Eu considero o dia ainda recente da morte do Monsenhor Josemaria Escrivá de Balaguer como uma contribuição para a maior glória de Deus e para o bem-estar das almas, e, por isso, estou solicitando de Vossa Santidade a rápida abertura da causa de beatificação e canonização de tal eminente sacerdote.
Eu tive a sorte de conhecer Escrivá de Balaguer pessoalmente e de receber dele o apoio e força para ser fiel à doutrina inalterável de Cristo e de servir com zelo apostólico à Santa Igreja Romana e esta terra de Santiago de Maria, que Vossa Santidade me confiou.
Conheço faz muito tempo o trabalho do Opus Dei aqui em El Salvador, e posso testemunhar o sentido sobrenatural que o anima e a fidelidade ao magistério eclesiástico, que caracteriza este trabalho.
Pessoalmente, devo profunda gratidão aos padres envolvidos, a quem eu confio, com muita satisfação, a direção espiritual de minha vida e a de outros sacerdotes. 
Pessoas de todas as classes sociais encontram no Opus Dei uma orientação segura para viver como filhos de Deus no meio diário em sua família e em suas obrigações sociais. E isto é, sem dúvida, devido à vida e à doutrina de seu fundador.
Neste mundo tempestuoso, invadido por insegurança e dúvida, a excelente fidelidade doutrinária que caracteriza o Opus Dei é um sinal da graça especial de Deus.
Monsenhor Escrivá de Balaguer foi capaz de unir, em sua vida, um contínuo diálogo com Nosso Senhor e uma grande humanidade. Alguém poderia dizer que ele era um homem de Deus e que o seu jeito estava impregnado de sensibilidade, gentileza e bom humor.
Há muitas pessoas que, desde o momento de sua morte, estão privadamente confiando-lhe as suas necessidades.
Beatíssimo Padre, eu humildemente repito o meu pedido de uma abertura rápida da causa de beatificação e canonização de Josemaría Escrivá de Balaguer, para a maior glória de Deus e para a edificação da Igreja.

Com afeto filial e submissão, beijo vosso anel.
Oscar Romero"


Monsenhor Romero diz ter sido encaminhado numa espécie de direção espiritual por José Maria Escrivá num caminho de conhecimento mais profundo das riquezas da sã Doutrina, através de diversas visitas à Escrivá em Roma. Relatou anos mais tarde Dom Fernando Sáenz, que o ultimo dia em vida do Arcebispo ElSalvadorenho, estiveram presentes em um retiro para sacerdotes organizado pela Opus Dei, dentre outras coisas contidas na entrevista que segue em link abaixo.

 
Abaixo relacionei diversos links para pesquisa via web: Divirta-se!





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...