segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Pôrque se perdoar faz bem

Duas palavras de grandes valores que deveriam caminhar juntas.

A todas as pessoas foi dado o dom de perdoar, mesmo que, o façam com dificuldade.

O perdão não é de grande conhecimento se não completado com sabedoria. Em algumas situações, como por exemplo, quando uma mãe perdoa verdadeiramente o assassino de seu filho, quando não há em seu coração, desejo ruim para com o assassino é perdão completado com sabedoria.

Em outras situações, o perdão não é uma palavra de grande conhecimento, de grande fundamento para muitos de nós. Como por exemplo, a traição de um amigo (a), de um esposo (a), namorado (a).Como é nessas situações o verdadeiro perdão?Não vingar? Tentar fingir que não aconteceu? Aceitá-lo (a) de volta?

Em outra situação, uma esposa agredida fisicamente pelo esposo, por exemplo, que sabe que o matrimônio é um sacramento de grande valor, aceita no silêncio como forma de perdão ou o denuncia para a justiça para que pague primeiro e depois resgata o matrimônio?

Difícil falar do perdão?Vamos falar de fidelidade.

Existem pessoas fiéis ou pessoas de atitudes fiéis?Atitudes ou não, são dignos de honra os que a possui.

O ser humano como pecador, é naturalmente falho. Às vezes com a própria religião ou crença, com o próprio trabalho, com si próprio e com o próximo.

Quando se faz o bem a outra pessoa, a pessoa pode esquecer com o tempo, mas, quando se faz o mal, a pessoa machucada nunca esquece. Mesmo que talvez leve como um obstáculo superado, curado, mas leva pra sempre. Se não for em busca da cura, como seqüelas, acaba mesmo que sem perceber, deixando marcas nos mais próximos. Dificilmente volta a acreditar no próximo. Algumas vezes a pessoa sofre calada, pelos cantos. Em outras, tentam fugir. Fugir das pessoas, fugir de si. Mas para onde vai carrega consigo a mágoa.
Porque não falar de fidelidade antes de falar do perdão?Desde que caminhem juntos, serão dignos de honra os que os possuir.

Tivemos vários nomes na história que se destacaram pelo perdão ou pela fidelidade. O maior é sem dúvida Jesus Cristo! Dificilmente veremos pessoas que foram agredidas no rosto, cuspidas, chicoteadas, ou rejeitadas perdoando tudo isso de uma só vez e ainda, pelo povo e pela fidelidade ao Pai!...


Rosimery Teixeira
Paróquia São Geraldo Ipatinga
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...