terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Projeto de Produção Literária "Paz ao Rio de Janeiro"

Iniciamos na semana passada, um projeto de produção textual com os alunos do 6º ao 9° período do ensino médio, da Escola Estadual Coronel Silvino Pereira, em que, depois de uma aula expositiva sobre os noticiários dos acontecimentos no Rio de janeiro, sobretudo a tomada da polícia no complexo de favelas Do Alemão, seguido de debate sobre violência e drogas. Propomos aos docentes, que produzissem um texto (livre) sobre o assunto, dando sua opinião, prestando solidariedade, ou simplesmente fazendo uma oração para as vítimas que sofrem direta, ou indiretamente com a violência, dessa forma, os cinco melhores textos, seriam postados nesse blog.

Os textos foram digitados na íntegra, corrigido alguns erros ortográficos, mas respeitando a estrutura do texto original do aluno, a coerência e coesão, conforme foram escritos. Ao ler os textos, devemos levar em consideração, que problemas textuais, como por exemplo, expressões preconceituosas, informais, ou inadequadas à norma padrão da língua, ou termos pejoratívos, se deve ao fato de serem os autores, adolescentes, em processo de formação em seu repertório cognitivo e lingüístico.

Paz ao Rio de Janeiro

Rio de Janeiro
Um lugar de muitas crianças
Não tão crianças porque
Em vez de brincar
Atiram para matar.

Eu fiz essa poesia
Para relatar minha alegria
Diante desses soldados de tanta integridade
Que dão suas vidas pela sociedade.

As famílias que moram na favela
Mostram sua gratidão
Com bilhetes escritos
Com muita emoção.

O mundo parou para relatar
A vida dessas pessoas
Que só têm a favela para morar.

Otávio Henrique Gomes Araújo. Nº 27, Sala: 6, Turma: 606


Lá no Rio de Janeiro
o povo morre em multidão
as alegrias estão se acabando
no morro do Alemão.

A bandidagem só aumenta
parece que nunca vai acabar
Rio de janeiro pede socorro
então vamos todos ajudar.

Rafaela de Souza Lopes. N° 36, Sala: 606


Paz ao Rio de Janeiro

Paz ao Rio de Janeiro,

No Rio de Janeiro muitas pessoas sofrem pedindo para que Jesus abençoe a vida, para que nada aconteça, que ninguém morra, porque aquelas pessoas precisam da ajuda daqueles militares para viver normalmente. Eles não conseguem nem chegar na janela porque correm risco de vida, eles estão contando com os militares para não morrer baleado, muitas gentes jogam cartas, cartazes pedindo paz. Eu sei que os policiais estão fazendo tudo o que podem para o Rio de Janeiro ficar em paz.
Senhor abençoe todos aqueles, para isso acabe rápido e também abençoe aqueles policiais que estão correndo risco de vida, para salvar o Rio de Janeiro. Amém.

Flávia, Sala: 606



Caio Silveira, 13 anos.

Eu me chamo Caio Silveira eu tenho 13 anos e eu queria falar um pouco da situação do rio de Janeiro que esta muito ruim e eu vejo televisão e eu me coloco no lugar dos moradores do Rio no Ccomplexo do Alemão e eu me sinto muito inseguro por que la os moradores não tem paz nem para dormir.


E eu acho que os traficantes do morro do alemão tinham que se entregar para o morro do complexo do alemão ficar em paz, acabar com essa guerra dos traficantes contra os policiais e o morro voltar como era antes tranquilo e todos eram felizes.

E e por isso que eu desejo aos moradores e os policiais muita força para eles aguentarem acabar com os traficantes e os moradores ficarem tranquilos e felizes e voltarem a ter uma vida normal.


'' PAZ AO RIO DE JANEIRO ''
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...